Biotecnologia – Portugal

8TH ESCMID Summer School 30/03/2009

Filed under: Eventos — Hugo Azevedo @ 20:55
Tags: , ,

logo_escmid1Estão abertas as candidaturas para a prestigiada ESCMID Summer School, organizada anualmente pelo European Society of Clinical Microbiology and Infectious Diseases, e que terá lugar este ano na cidade do Porto, na Faculdade de Ciências,  de 11 a 17 de Julho de 2009.

 Programa da 8TH ESCMID Summer School inclui temas abrangentes e de interesse não só para médicos, mas também para biólogos, farmacêuticos, bioquímicos, estudantes de doutoramento e pós doutoramento na área da Infecciologia e Microbiologia Clínica

As candidaturas para a 8TH ESCMID Summer School poderão ser enviadas até 23 de Maio após o qual, e dado o número limitado de vagas, decorrerá um processo de selecção dos candidatos.

Mais informções aqui

Anúncios
 

Concurso Jovens Cientistas e Investigadores

Filed under: Eventos — Hugo Azevedo @ 16:57
Tags: , , ,

capa

 

 

O Concurso Jovens Cientistas e Investigadores tem por objectivo promover os ideais da cooperação e do intercâmbio entre jovens cientistas e investigadores, e estimular o aparecimento de jovens talentos nas áreas da Ciência, da Tecnologia, da Investigação e da Inovação.

 

 

Destinatários:

Estudantes a frequentar em Portugal o ensino básico, secundário ou primeiro ano do ensino superior, com idades compreendidas entre os 15 e os 20 anos (sendo que devem ter menos de 21 anos a 30 de Setembro e mais de 14 anos a 1 de Setembro).

Os projectos devem ter sido concluídos antes da entrada no ensino superior

Grupos de até 3 elementos.

 

 

Mais informações aqui

 

Course in Laboratory Animal Science 26/03/2009

Filed under: Biotecnologia — Hugo Azevedo @ 19:14
Tags: , , , ,

 las_02240x821

Curso acreditado por: FELASA (Federation of Laboratory Animal Science Associations).

Datas serão anunciadas em breve pelos responsáveis do IBMC

 

Destinatários:

Curso de 2 semanas destinado a investigadores, técnicos de investigação, ou investigadores ainda a estudar.

 

Pré-registo e Mais Informações:

IBMC

congressos@ibmc.up.pt.

 

Universidade de Verão U.Porto 25/03/2009

Filed under: Eventos — Hugo Azevedo @ 19:36
Tags: , , , , , ,

Dando continuidade ao projecto iniciado em 2008, a U.Porto oferece, a partir de 6 de Julho de 2009, a 2.ª edição da sua Universidade de Verão subordinada ao tema Ciências, artes e culturas em contexto regional.

Esta iniciativa conta em 2009 com dois pólos, Arouca e Porto, e integra um conjunto de módulos com um carácter pluridisciplinar que, tirando partido de um enquadramento regional que lhes dá especial relevância e concretização, potenciam novas abordagens multidisciplinares e inovadoras das mesmas. A colaboração com diversas entidades locais é mais uma garantia dessa ligação e do interesse que a iniciativa deve despertar em distintos públicos.

 

PÓLO DE AROUCA: 13 A 29 DE JULHO

Genética, agricultura e alimentação. Desafios para o século XXI
Coordenação científica: Prof. João Cabral
Calendário: 22 a 24 de Julho
Valor inscrição: 150,00 euros
ECTS: 1 crédito ECTS
Local: Arouca

 

Clusters, Pólos de Competitividade e Desenvolvimento Regional
Coordenação científica: Profa. Ana Paula Delgado
Calendário: 27 a 29 de Julho
Valor inscrição: 150,00 euros
ECTS: 1 crédito ECTS
Local: Arouca

 

Destinatários
O programa e os seus módulos destinam-se a estudantes universitários e licenciados, nacionais e estrangeiros, incluindo antigos estudantes da U.Porto, bem como a profissionais que, pelo seu relevante currículo, sejam considerados pela Comissão Científica como detentores das competências necessárias para a sua frequência.

Candidaturas
As candidaturas deverão efectuar-se até ao dia 17 de Abril de 2009, acompanhadas do envio da ficha de candidatura (anexa), juntamente com texto de motivação, curriculum vitae (CV) e fotocópia do BI (para efeitos de certificado), para o e-mail educacao.continua@reit.up.pt ou por correio para:
Reitoria da Universidade do Porto
Unidade de Educação Contínua
A/C Joana Coutinho/ Gisela Oliveira
Praça Gomes Teixeira
4099-002 Porto

Para mais informações contactar Joana Coutinho ou Gisela Oliveira através do e-mail educacao.continua@reit.up.pt ou dos telefones 220408053 e 220408198 ou consular o site http://www.up.pt -> Ensino -> Educação Contínua -> Universidade de Verão 2009.

 

Mais informações aqui

 

Tecnologia Biotecnológica de Reparação Cerebral da UC distinguida pelo MIT-Portugal 19/03/2009

Uma equipa da Universidade de Coimbra desenvolveu uma tecnologia inovadora e altamente especializada para identificação funcional de novos neurónios, com aplicações na epilepsia, depressão, Alzheimer, Parkinson ou esclerose múltipla. A descoberta foi considerada a biotecnologia mais promissora na área de Sistemas de Bio-Engenharia do Programa MIT-Portugal.

 

Regenerar células do cérebro através do recurso a células estaminais é o objectivo de um método desenvolvido na Universidade de Coimbra, e já alvo de uma patente internacional, que foi agora distinguido com o Prémio GlaxoSmithKline, no âmbito do Programa MIT-Portugal.

 

Através deste projecto científico, um grupo de investigadores tem tentado determinar como actuam as células estaminais neurais para as poderem ‘programar’ para reparação cerebral ou para influenciar células residentes no cérebro que executem essa função. «As patologias do cérebro são uma das principais causas de sofrimento nas sociedades modernas e são responsáveis por consumos económicos enormes. Estima-se que cerca de 30% das pessoas padeça de algum tipo de patologia ou disfunção cerebral. No entanto, estas patologias não têm tratamentos eficientes: há fármacos que aliviam sintomas mas não promovem a cura. O nosso grupo de investigação dedica-se a olhar para lá desta fronteira. Neste contexto, a utilização de células estaminais perspectiva-se como uma boa ferramenta para vir a desenvolver novas estratégias para curar, de facto, as patologias do cérebro e não simplesmente aliviar sintomas», explica João Malva, responsável pela equipa de investigação.

 

Os investigadores da Universidade de Coimbra – do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) e do Instituto de Bioquímica da Faculdade de Medicina – desenvolveram uma inovadora técnica de análise de flutuações de cálcio intracelular, que funciona com base nas variações de concentrações de iões em cada célula, e que permite ultrapassar a dificuldade de diferenciação das células enquanto se encontram vivas. «A utilização desta tecnologia permitirá a descoberta de novos fármacos que actuam selectivamente em diferentes grupos de células e permitirá também descobrir novos fármacos que tenham a possibilidade de aumentar a diferenciação destas células imaturas em diferentes tipos de células que são necessários para reparar as diferentes patologias do cérebro», revela João Malva.

 

Esta biotecnologia foi considerada a mais promissora da área da Sistemas de Bio-Engenharia do Programa MIT-Portugal, razão pela qual lhe foi atribuído o Prémio GlaxoSmithKline, numa reunião que decorreu recentemente no Biocant Park, em Cantanhede. João Malva esclarece que «este prémio procura promover as estratégias para a comercialização e transferência de tecnologia entre os grupos de investigação nas universidades e a sua implementação no mercado: na indústria farmacêutica ou no mercado associado à medicina regenerativa» e considera-o um incentivo para a continuação do trabalho do seu grupo. Também por isso, espera-se que a investigação premiada possa ser desenvolvida tendo em vista a sua introdução no mercado.

 

O mesmo projecto, numa fase anterior de evolução, havia aliás sido já distinguido no âmbito do Industrial Biotech, um fórum internacional que decorreu em Bruxelas nos dias 25 e 26 de Junho, onde foram apresentados vários projectos na área da biotecnologia industrial e em que participaram diversas entidades de capital de risco e centena e meia de especialistas científicos de renome internacional

 

Segunda fase do Biocant Park em risco 18/03/2009

A segunda fase do Biocant Park, em Cantanhede, corre risco de não ser construída por falta de apoios comunitários. A obra, de 18 milhões de euros, pretende albergar 20 empresas de biotecnologia e criar 300 postos de trabalho.

 

“Não se percebe porque é que a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) ainda não abriu concurso para este tipo de projectos. Ainda por cima tratando-se do único parque de biotecnologia em Portugal. Arrastar o financiamento comunitário por mais um ano é comprometer/asfixiar a obra, por falta de liquidez”, afirmou, ontem, o director do Centro de Inovação em Biotecnologia (Biocant Park).

 

 Carlos Faro lamenta “que se ande a adiar a abertura do concurso há cerca de um ano”: “É trágico! Choca-me que em Portugal se disperse a atribuição de fundos comunitários em pequenos projectos, em vez de os concentrar em grandes obras, de inegável valor para o país, capazes de marcarem a diferença”.

 

Para além de promover actividades de I&D orientadas para o mercado e apoiar o bioempreendedorismo, o Biocant (constituído pela Câmara de Cantanhede, Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra e Associação Beira Atlântico Parque) tem ainda como objectivo a criação de um cluster regional de biotecnologia de prestígio internacional.

 

 Actualmente, o Centro de Inovação em Biotecnologia tem dois edifícios: a sede do Biocant e o Centro de Inovação em Biotecnologia, ambos totalmente ocupados, sem espaço disponível para receber novas empresas ou possibilitar a expansão das existentes.

 

O plano de expansão contempla a criação de quatro novas infra-estruturas: Biocant PME’s (empresas de biotecnologia que necessitem de espaço laboratorial próprio), Biopilot (unidade industrial de biotecnologia), Centro de Realidade Virtual (especializado em Ciências da Vida) e CNC Biotech (edifício laboratorial para alojar o Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra; CNC será o primeiro laboratório associado do país e o maior centro de investigação da região Centro e transferirá para Cantanhede a investigação fundamental da área de biotecnologia e o programa de formação avançada em ambiente empresarial).

 

João Moura, presidente da Câmara de Cantanhede, e Carlos Faro asseguraram, ontem, que 90% dos espaços a construir no âmbito da segunda fase do Biocant já estão reservados.

 

Ao JN, o presidente da CCDRC, Alfredo Marques, reconheceu o atraso na abertura do concurso a fundos comunitários, mas prometeu ter o “assunto resolvido no início de Abril”.

 

“A CCDRC atribuiu alto grau de prioridade aos parques de ciência e tecnologia. Só que temos estado, primeiro, a conferir todos os projectos desta área que podem vir a merecer apoios e a definir critérios muito rigorosos. E só depois é que será aberto o concurso”, afirmou o líder da CCDRC.

 

 Solicitado pelo JN a comentar a afirmação de João Moura de que seria justo a segunda fase do Biocant Park ser contemplada com um apoio comunitário de 70% dos 18 milhões de euros do valor global do projecto, Alfredo Marques não hesitou em responder de imediato: “Temos dezenas de milhões de euros para atribuir aos parques de ciência e tecnologia. Mas essa percentagem é demasiado elevada e impensável de atingir”.

 

 By: JN

 

Mitochondria: Between Life and Death 13/03/2009

Filed under: Eventos — Hugo Azevedo @ 22:43
Tags: , , , , , , , ,
   

 

 
Maio 5-8, 2009

International Courses on Toxicology 2009
 
cnc1
 

 

Curso Prático – Maio 11-15, 2009

Auditório da Reitoria da Univercidade deCoimbra

 
 
 
 
Organizado por o Cell and Molecular Toxicology Research Area

 

 

 
Página oficial aqui

Center for Neurosciences and Cell Biology

Univercidade de Coimbra, Portugal