Biotecnologia – Portugal

2º Edição do Dia da Biotecnologia no Biocant Park 30/07/2009

Filed under: Biotecnologia,Eventos — Hugo Azevedo @ 14:25

images[4]31 de Julho, pelas 15:00 h.

 

Com esta iniciativa pretende-se dar a conhecer ao público em geral, mas não só, o trabalho desenvolvido neste centro de inovação em biotecnologia, que é reconhecido como um dos maiores pólos de conhecimento e empreendedorismo da Zona Centro.

 

Esta iniciativa esta inserida na EXPOFACIC e conta com o apoio da Crioestaminal, do Biocant Park, da Inova e da Câmara Municipal de Cantanhede.

 

A recepção dos visitantes terá lugar no edifício sede do Biocant Park. Para além de uma apresentação multimédia sobre a actividade do Biocant Park e da Crioestaminal no sector Biotecnológico, será possível ainda participar numa experiência no Centro de Ciência Júnior e realizar uma visita aos laboratórios.

 

 

Inscrições:

  • Contactar Sandra Tomé através do número 231 41 08 90 ou do endereço de e-mail sandra.tome@biocant.pt até ao dia 30 de Julho.
  • Poderão também ser efectuadas no stand do Biocant Park no decorrer da Expofacic.

 

 

Programa e mais informações disponíveis Aqui

 

Gripe A: 2 empresas biotecnologicas Austrálianas iniciaram testes da vacina em humanos 23/07/2009

Filed under: Biotecnologia,Notícias — Hugo Azevedo @ 16:31

vacina-gripe-suina-butantan[1]Na Austrália começaram os testes da vacina para a Gripe A em seres humanos, e mais uma vez a biotecnologia mostrou o seu grande potencial, uma vez que se tratam de duas empresas de biotecnologias que começaram estes testes, a CSL e a Vaxine.

 

A CSL informou num comunicado que espera poder começar a distribuir em Setembro a vacina contra o vírus H1N1-2009, que já provocou 40 mortos na Austrália. Nos ensaios participam 240 adultos, que pagaram 400 dólares australianos (cerca de 320 dólares norte-americanos) cada um para se submeterem ao tratamento oferecido pelo Royal Hospital da cidade de Adelaide. Dentro de duas semanas serão feitas novas análises e a 04 de Agosto começarão a ser feitos ensaios com menores, referiu a farmacêutica australiana. A vacina é similar à existente para a gripe sazonal.

 

Segundo a AFP, uma sociedade farmacêutica chinesa também apresentou ontem o início de ensaios clínicos com a duração de dois meses para uma outra vacina contra a gripe A. Mais de dois mil voluntários estarão envolvidos nos testes da Hualan Biological Engineering que (tal como a CSL) espera ter a vacina pronta para comercializar em Setembro. Nos EUA, o Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas (NIAID) pediu a adesão de milhares de voluntários para participar nos ensaios clínicos da vacina.

 

E, tendo em conta o mais recente alerta da Comissão Europeia, é preciso mesmo acelerar o passo nas empresas farmacêuticas para acompanhar o avanço do vírus H1N1 neste Verão. Segundo um comunicado feito ontem, espera-se que o ritmo de propagação do vírus aumente na União Europeia durante este Verão devido ao aumento do fluxo turístico. Por outro lado, antecipando a perigosa união desta gripe com a típica sazonal, a comissão prevê um aumento da mortalidade no Outono. Os ministros da UE já agendaram uma reunião extraordinária para o início de Outubro.

 

Programa MIT – Portugal reconhece investigação desenvolvida no CNC em Coimbra 20/07/2009

Filed under: Biotecnologia,Notícias — Hugo Azevedo @ 23:24

Uma investigação médica, realizada em Coimbra, que procura conhecer o funcionamento das células e contribuir para o desenvolvimento de novos fármacos que reparem cérebros doentes foi distinguida com um prémio do Programa MIT – Portugal.

 

A plataforma científica, desenvolvida no Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da Universidade de Coimbra “acaba de vencer a competição das Bio-Innovation Teams (Bio-Teams)”, promovida pelo Programa MIT – Portugal, e foi o terceiro prémio que obteve no espaço de um ano (dois nacionais e um internacional), revela uma nota de imprensa da instituição.

 

João Malva, da Faculdade de Medicina de Coimbra, adiantou à Agência Lusa que a investigação que coordena se desenrola há quatro anos no domínio da reparação cerebral, em torno das propriedades das células e na identificação de novos fármacos. Segundo uma nota de imprensa da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), o resultado da investigação encontra-se já protegido por cinco patentes internacionais.

 

Além da busca de novos fármacos que reparem as doenças no cérebro, o conhecimento do funcionamento das células, segundo o investigador, poderá vir a possibilitar a “educação das células imaturas” (estaminais) para gerarem neurónios que substituam os que se encontram danificados.

 

“Em resumo, a plataforma permite avaliar, em simultâneo, um gigantesco número e diversidade de células e obter a informação detalhada do comportamento de cada uma”, explica o investigador.

 

Estas pesquisas de novas estratégias neuroprotectoras e de reparação cerebral, que João Malva classifica de “investigação pura”, poderão ser úteis no tratamento de doenças neurogenerativas, como as doenças de Alzheimer ou de Parkinson.

 

“Explorando a capacidade do cérebro adulto, de gerar novas células do cérebro, esperamos que um dia a ciência consiga utilizar este potencial para curar doenças”, conclui João Malva.

 

Mestrados 07/07/2009

Filed under: Biotecnologia,Eventos — Hugo Azevedo @ 18:16

No seguimento de um poster anteriormente apresentado deixo aqui mais alguns mestrados relacionados com a temática da biotecnologia:

 

A Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa no Porto tem, os seguintes mestrados:

Mestrado em Segurança Alimentar

Mestrado em Ciência e Tecnologia do Vinho

Mestrado em Engenharia Alimentar

Mestrado em Engenharia do Ambiente

Mestrado em Microbiologia

Mestrado em Engenharia Biomédica

Mestrado em Bioinformática

Mestrado em Inovação Alimentar

Mestrado em Inovação Ambiental

Data limite para candidaturas: 14 a 18 de Setembro

 

 Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.

Mestrado em Investigação Biomédica
Uma nova oportunidade de formação diferenciada em Investigação Científica nas áreas de Lesão e Reparação Celular, Biologia do Envelhecimento, Ciências da Visão, Neurobiologia, Oncologia e Infecção e Imunidade.

 
Data limite para candidaturas: 4 de Setembro de 2009

 

CURRENT TRENDS IN BIOMEDICINE WORKSHOP 2009

Filed under: Biotecnologia,Eventos — Hugo Azevedo @ 17:41
Tags:

Baeza (Jaén, Spain), November 9-11, 2009

poster_chromatin_domains[1]

 

 

Novo Centro de Análises de Genomas no Reino Unido 06/07/2009

Filed under: Biotecnologia,Notícias — Hugo Azevedo @ 16:05

33042[1]Um novo Centro de Análises de Genomas (TGAC) inaugurou, oficialmente este fim-de-semana, no Reino Unido, pela mão do Nobel e um dos pioneiros no estudo da área, Sir John Sulston e pelo Lord de Norfolk

O novo espaço terá capacidade para estudar as diferenças genéticas que existem entre indivíduos e nos seus organismos. Este conhecimento poderá ajudar no desenvolvimento de novos antibióticos e a combater novos vírus e os seus níveis de tolerância. Para além de todas estas vantagens, terá uma contribuição significativa para a economia.

Este centro foi estabelecido pelo Biotechnology and Biological Sciences Research Council (BBSRC) Norueguês em conjunto com parceiros de desenvolvimento económico e regional: o East of England Development Agency (EEDA), o Norfolk County Council, South Norfolk Council, Norwich City Council e o Greater Norwich Development Partnership.

Aquando da abertura, o ministro do Estado, da Ciência e da Tecnologia, Lord Drayson referiu: “O Reino Unido é um líder mundial na área da informação genética e representa uma aposta face a desafios de segurança na alimentação e na criação de combustíveis eco-amigáveis”.

Drayson acrescentou ainda: “Este projecto mostrará que a parceria é a chave do sucesso – o centro ajudará a desenvolver investigações vitais, assim como estimular o desenvolvimento económico e criar centenas de postos de trabalho”.

Pontos de actuação:

Os seus principais pontos de actuação incidirão: ajudar a substituir o petróleo por bioenergia eco-amigável; proteger o gado de doenças exóticas e assim evitar que o sustento dos produtores e proteger os consumidores de riscos; ajudar na produtividade de frutos e vegetais mais nutritivos, já que alguns têm um papel preponderante na prevenção do cancro, centrando o estudo, por exemplo, em compostos que privilegiem o nível de antioxidantes no tomate.

A sequenciação destes e outros genomas promoverá a criação de um enorme banco de dados bio-informático – uma aplicação da ciência dos computadores e análise estatística em prol da investigação biológica.

Jane Rogers, directora do TGAC, sublinhou que “o Centro de Análises do Genoma dará ao Reino Unido uma missão adicional na sequenciação do genoma de plantas, animais e micróbios, centrando-se em organismos específicos. Mais ainda, a análise de micróbios terá um foco maior já que na medida em que infecta tanto animais como plantas, poderá ser a fonte de fármacos para o tratamento de infecções fungicidas e bacterianas”.

 

By:  CiênciaHoje