Biotecnologia – Portugal

Biotecnologia portuguesa ajuda agricultura de Moçambique 26/09/2009

Filed under: Biotecnologia,Notícias — Hugo Azevedo @ 00:33

Investigadores do Biocant – Centro de Inovação em Biotecnologia vão apoiar Moçambique no combate à “virose do tomate” e ao “amarelecimento do coqueiro”, duas pragas que atingem a agricultura daquele país. Uma delegação de técnicos portugueses deverá partir no início de Novembro para Moçambique, a fim de avaliar as condições técnicas existentes para pôr os dois projectos em prática, disse Carlos Faro, presidente do conselho científico do Biocant, instalado em Cantanhede.

 

 “O que se pretende é desenvolver um sistema de detecção de alguns microorganismos e concretamente vírus envolvidos em algumas doenças que aparecem no tomateiro e no coqueiro”, precisou.

 

O objectivo é o “despiste rápido” da infecção, de forma a detectar a doença numa fase ainda precoce e impedir a sua disseminação. A detecção será feita através de “métodos moleculares, que poderão ser por DNA ou proteína, dependendo do tipo de tecnologia disponível em Moçambique”, segundo aquele responsável. “O importante – referiu – é saber qual o agente patogénico que provoca a doença”.

 

O amarelecimento letal do coqueiro é uma praga causada por um fitoplasma, com um período de incubação longo em que as árvores atingidas morrem entre três a seis meses após os primeiros sintomas. A virose do tomate é causada por uma mosca branca, que ataca a parte debaixo das folhas e suga a seiva, enfraquecendo as plantas.

 

Laboratório da Biocant O apoio do Biocant no combate às duas pragas foi discutido recentemente durante uma visita do ministro da Ciência e Tecnologia de Moçambique, Venâncio Massingue, ao Centro de Inovação em Biotecnologia, com quem o estado moçambicano mantém um acordo de cooperação técnica e científica.

 

 O protocolo de cooperação prevê a “abertura de uma espécie de delegação do Biocant em Moçambique”, disse Carlos Faro, bem como o intercâmbio de cientistas, técnicos, peritos e estudantes.

 

Deverão ser criadas condições para que o Biocant desenvolva consultadoria relativamente à “criação de um Parque de Ciência Tecnológica em Moçambique, idêntico ao existente em Cantanhede, e a realização de estudos estratégicos que visem a concretização deste tipo de empreendimento”.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s